ONU anuncia doação de US$10 milhões em ajuda ao Chile

SANTIAGO (Reuters) - A ONU autorizará o uso de 10 milhões de dólares de seu fundo de resposta a emergências para ajudar o Chile a enfrentar os danos causados pelo forte terremoto e tsunamis que devastaram a região centro-sul do país, disse nesta sexta-feira o secretário-geral do organismo, Ban Ki-moon. Após encontro em Santiago com a presidente chilena, Michelle Bachelet, Ban afirmou que será estabelecido um grupo de trabalho conjunto para avaliar as necessidades mais urgentes nas áreas de saúde, saneamento, habitação e nutrição.

Reuters |

"Estamos aqui para expressar nossa preocupação e apoio nestes momentos de situações humanitárias", disse Ban em rápido encontro com a imprensa no palácio presidencial chileno de La Moneda.

"Assim, as Nações Unidas irão autorizar 10 milhões de dólares do fundo de respostas de emergência central, que é um programa de transferência que ajuda o governo para abordar esta emergência neste momento", disse ele sem dar detalhes.

Ban avaliará a catástrofe em visita que fará no sábado a cidade de Concepción, na região de Bío Bío, a cerca de 500 quilômetros de Santiago, uma das mais afetadas por um dos terremotos mais fortes da história.

Bachelet, que terminará seu mandato em 11 de março, agradeceu o apoio e a solidariedade da Organização das Nações Unidas e da comunidade internacional após o terremoto.

"Estabelecemos com o secretário-geral das Nações Unidas um mecanismo de trabalho conjunto entre os ministros e as organizações das Nações Unidas para em breve identificar as áreas mais fundamentais de apoio", disse ela.

O secretário-geral da ONU disse que também se reunirá com o presidente eleito, Sebastián Piñera.

(Por Silene Ramírez)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG