ONGs querem mobilizar 1% da população mundial em campanha contra pobreza

Nova York, 9 out (EFE).- As ONGs United Nations Millennium Campaign e Chamada Global para Ação contra a Pobreza (GCAP, na sigla em inglês) anunciaram que estão preparando uma campanha de mobilização global entre os dias 17 e 19 de outubro para combater a pobreza.

EFE |

As entidades disseram esperar uma adesão de 1% da população do planeta.

As ONGs fizeram este anúncio para que os participantes convençam os líderes mundiais de que é preciso cumprir seus compromissos para reduzir a pobreza pela metade em 2015, tal como aceitaram com os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

"O movimento global em apoio dos ODM está crescendo e de 17 a 19 de outubro, 1% dos habitantes do planeta enviará uma clara mensagem a seus líderes para que não fiquem sentados e sem cumprir suas promessas", disse o diretor da UN Millennium Campaign, Salil Shetty.

Para o co-presidente de GCAP, Kumi Naidoo, é "incrível ver como em tempos de instabilidade econômica as pessoas estão motivadas para pedir a seus líderes que mantenham a luta para erradicar a pobreza em um lugar destacado de suas agendas".

A campanha destas ONGs, intitulada "Stand up and Take Action" (levante-se e tome uma atitude, em tradução livre), preparou atividades em todos os continentes, com shows, manifestações, pedidos aos Governos, assinaturas de declarações públicas e o plantio de cem milhões de árvores em todo o mundo.

Na América Latina e no Caribe, segundo as ONGs, as atividades serão realizadas em Santiago do Chile e El Salvador, onde também devem acontecer manifestações reivindicando mais ação contra a pobreza. EFE emm/rb/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG