segurança olímpica - Mundo - iG" /

ONG denuncia detenção de dissidente na China por segurança olímpica

Pequim, 6 ago (EFE).- A organização pró-direitos humanos Human Rights Defenders (HRD) denunciou hoje a detenção, no último domingo, do dissidente Xie Changfa, por causa da nova normativa de segurança para os Jogos Olímpicos.

EFE |

Segundo a ONG, a detenção foi realizada na cidade de Changsha (centro), onde vive o dissidente.

Xie tem um longo histórico de detenções por parte das autoridades chinesas. O último episódio ocorreu em junho último, sob a acusação de "suspeito de incitar a subversão contra o poder do Estado".

A HRD explicou que a detenção está relacionada às atividades políticas de Xie, já que a Polícia vasculhou sua casa e confiscou diferentes materiais que encontrou nela.

Por outro lado, a HRD denunciou "um aumento dos abusos nos direitos humanos com a preparação dos Jogos Olímpicos por parte da China".

Entre outras medidas, a associação, com sede em Londres, criticou o silêncio imposto aos cidadãos chineses que denunciaram abusos e a expulsão de Pequim de trabalhadores imigrantes, mendigos e peticionários (pessoas que viajam à capital para que sejam ouvidas suas reivindicações). EFE gmp/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG