OMS: gripe suína deixa mais de 55.000 casos e 238 mortos no mundo

O vírus A (H1N1) da gripe suína infectou 55.867 pessoas em 109 países e territórios e deixou 238 mortos desde sua detecção no final de abril, segundo o mais recente balanço publicado nesta quarta pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

AFP |

Os aumentos de casos mais importantes foram registrados na Argentina (+203, 1.213 casos, com um total 7 mortos), Austrália (+421, 2.857 casos, com 2 mortos), Brasil (+203, 334 casos), Canadá (+747, 6.457 casos, 15 mortos), China (+167, 906 casos), México (+223, 7.847 casos, 115 mortos), Nova Zelândia (+128, 386 casos), Filipinas (+101, 445 casos, um morto), Tailândia (+185, 774 casos), Grã-Bretanha (+399, 2.905 casos, um morto) e Uruguai (+159, 195 casos).

A OMS relativiza suas próprias estatísticas destaando que alguns dos países mais afetados, como os Estados Unidos, desistiram de contabilizar todos os casos de infecção.

A organização além disso estima que muitos países pobres não têm meios para detectar a presença do vírus.

dro/cn/fp

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG