OMS decidirá se declara pandemia de gripe A em fase de transição

Genebra, 23 fev (EFE).- A Organização Mundial da Saúde (OMS) receberá hoje informações de um grupo internacional de cientistas para decidir se oficialmente será declarado um período de transição na pandemia de gripe A antes de seu final.

EFE |

Os especialistas, que integram o chamado "comitê de emergência" da OMS, participarão em seus países a partir das 14h15 local (10h15 de Brasília) de uma teleconferência que durará cerca de duas horas.

Ao final da reunião, será elaborado um relatório com todas as conclusões e recomendações sobre o vírus H1N1 e a organização anunciará amanhã sua decisão, informou o porta-voz da OMS, Gregory Hartl.

O documento será apresentado ao final da tarde à diretora-geral da OMS, Margaret Chan. Após revisá-lo, Chan o enviará aos Ministérios de Saúde dos 193 países-membros do organismo, explicou Hartl.

O porta-voz ressaltou que, caso se declare a fase de transição - após a fase de pico -, "isso não significará o fim da epidemia".

Nas últimas semanas, a OMS confirmou um redução constante da atividade do vírus gripal, descoberto há dez meses, assim como uma redução dos surtos (os últimos foram registrados África Ocidental) e uma estabilização no número de mortes.

Apesar desta tendência, Hartl explicou hoje que será necessário continuar avaliando o comportamento do vírus H1N1 para determinar se chega a se assemelhar com o vírus da gripe sazonal.

Ele insistiu que, por enquanto, o vírus da gripe A continua se comportando de maneira distinta ao causar surtos gripais fora da temporada habitual e afetar grupos de pessoas diferentes (menores de 60 anos, mulheres grávidas e pessoas com problemas de saúde crônicos). EFE is/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG