Olmert vai tentar escorar trégua em Gaza com ajuda de líderes europeus

Jerusalém, 18 jan (EFE).- O primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, recebe hoje em Jerusalém os chefes de Estado ou de Governo de Reino Unido, França, Alemanha, Itália, República Tcheca e Espanha, numa tentativa de escorar o cessar-fogo na Faixa de Gaza com a ajuda destes países contra o contrabando de armas para o Hamas.

EFE |

Com exceção do primeiro-ministro tcheco, Mirek Topolanek - também presidente rotativo da União Européia -, todos os outros cinco líderes europeus chegarão a Israel entre 18h30 e 19h (14h30 e 15h de Brasília), vindos do balneário egípcio de Sharm el Sheikh, onde participarão de uma cúpula para a reconstrução de Gaza.

Já Topolanek aterrissará em Israel vindo de outro local, já que não participará do encontro em solo egípcio, disseram à Agência Efe fontes diplomáticas israelenses.

Como o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, não foi convidado para a cúpula no Egito, Israel vê a visita dos seis chefes de Estado ou de Governo da Europa como "uma possibilidade para expressar" seu ponto de vista após os acontecimentos em Gaza nas últimas semanas, acrescentaram as fontes.

"Estamos trabalhando com a comunidade internacional para encontrarmos soluções práticas e concretas para o problema surgido com o Hamas", afirmou Yigal Palmor, porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriores de Israel, ao referir-se à necessidade de combater o tráfico de armas para a Faixa de Gaza.

"É preciso um esforço internacional para evitar que o Hamas possa voltar a ter armas e, com isso, possa voltar a disparar e a atacar Israel", ressaltou.

    Leia tudo sobre: gaza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG