Olmert alerta para risco de isolamento internacional de Israel

O primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, afirmou que o país corre o risco de isolamento internacional caso seu sucessor designado, Benjamin Netanyahu, rejeite a criação de um Estado palestino.

AFP |

De acordo com a imprensa, Olmert afirmou no conselho de ministros de domingo que a negociação com a Autoridade Palestina "aponta para a criação de dois Estados para dois povos e que qualquer governo israelense que questione esta estratégia perderia o apoio internacional".

"A verdadeira opção é de dois Estados para dois povos ou de um Estado para dois povos. Os que não enxergam assim se equivocam e causam um grande dano a Israel", disse Olmert.

"A história não perdonará", completou, em uma referência velada ao Partido Trabalhista do ministro de Defesa, Ehud Barak, que negocia a entrada no futuro governo de direita de Netanyahu, apesar de apoiar a princípio a criação de um Estado palestino.

Netanyahu prometeu prosseguir com as negociações com os palestinos, ao mesmo tempo que se comprometeu a intensificar a colonização na Cisjordânia ocupada e se nega a assumir o princípio de "dois Estados para dois povos".

ms/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG