Pequim - Oito trabalhadores morreram no desabamento de um prédio de quatro andares em construção, cujas obras estavam sendo realizadas de maneira ilegal na província central chinesa de Hubei, informou a agência oficial, Xinhua.

Além disso, as equipes de resgate desconhecem o número exato de operários que estavam trabalhando no momento da queda, já que o empreiteiro da obra se acha em paradeiro desconhecido desde que aconteceu o fato.

O desmoronamento do prédio em construção aconteceu por volta das 17h (8h de Brasília) deste sábado na localidade de Qiuzhigou, nas cercanias da cidade de Wuhan, capital da província de Hubei.

Após o desabamento, as equipes de salvamento, formadas por uma centena de profissionais cujo trabalho está sendo dificultado pela chuva e pela dificuldade de acesso ao local, recuperaram 13 empregados com vida.

As autoridades locais iniciaram uma investigação para determinar as causas que provocaram a queda do edifício.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.