Cabul, 7 mai (EFE).- Pelo menos oito supostos talibãs morreram em dois incidentes violentos registrados no sul e no leste do Afeganistão, informou hoje o Ministério da Defesa afegão, que também anunciou o resgate de 11 soldados e de um intérprete sequestrados desde sábado.

O incidente mais grave ocorreu hoje no distrito de Yahya Khail, situado na província de Paktia, onde cinco supostos insurgentes morreram em combate contra as tropas afegãs, após atacar um posto militar, afirmou o ministério, em comunicado.

As tropas detiveram um suposto insurgente na área, onde ficaram abandonados os cadáveres de três deles.

Além disso, na província de Helmand, outros três supostos insurgentes morreram ontem à noite devido à explosão de uma mina que preparavam na estrada que liga essa província a Kandahar, afirmou o Ministério da Defesa, em outra nota.

Uma equipe da Polícia chegou à área e feriu mais dois insurgentes, mas os dois conseguiram escapar.

O ministério anunciou também o resgate de 11 soldados afegãos e de um intérprete que estavam sequestrados desde sábado passado no distrito de Ghaziabad, situado na província de Kunar, mas a nota não precisou as circunstâncias da libertação.

Em 29 de abril, os talibãs informaram sobre o lançamento de uma operação para colocar mais emboscadas, cometer ataques suicidas e atentados contra o Exército afegão e as tropas internacionais no Afeganistão. EFE lo-daa/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.