Oito civis americanos morrem em ataque no Afeganistão

Oito civis americanos foram mortos num atentado suicida cometido numa base militar dos Estados Unidos no leste do Afeganistão, anunciou nesta quarta-feira a embaixada dos Estados Unidos em Cabul.

AFP |

O ataque, confirmado por Washington, aconteceu na RC-East", que designa a região militar afegã que cobre 14 províncias.

Segundo um porta-voz do Pentágono, o tenente-coronel Almarah Belk, os oito americanos foram mortos na base operacional avançada de Chapman quando um homem acionou explosivos que levava no corpo.

A base fica na província de Khost, perto da fronteira com o Paquistão, precisou.

O número de civis estrangeiros presentes no Afeganistão, como parte de contratos com os dois governos, de Washington e Cabul, vem aumentando rapidamente, como parte de uma estratégia de dominar a insurreição através da concessão de maior ajuda ao desenvolvimento.

Os Estados Unidos anunciaram mês passado que dobraram o número de civis no Afeganistão e que tinham como objetivo ter mil deles no país até o final de 2009.

Muitos estão instalados em bases militares, ao lado das equipes militares de reconstrução.

O atentado em Khost acontece dois meses após o ataque de 28 de outubro praticado por talibãs numa casa de hóspedes do centro de Cabul que abrigava empregados estrangeiros da ONU. Cinco deles foram mortos.

lod/ft/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG