Oficiais de EUA e Rússia dizem que países chegaram a acordo sobre pacto nuclear

Os Estados Unidos e a Rússia chegaram a um acordo sobre todos os pontos do novo pacto de desarmamento nuclear, segundo fontes oficiais dos dois países que preferiram não se identificar.

iG São Paulo |

"Todos os documentos do novo tratado foram acordados", afirmou uma fonte da presidência russa, acrescentando que o documento deve ser assinado em Praga. Oficialmente, nem a Casa Branca nem o Kremlin comentam o assunto.

Segundo o jornal americano "The New York Times", os presidente Barack Obama e Dmitri Medvedev ainda terão uma reunião para finalizar o acordo. O novo tratado substituirá o Start, que expirou em dezembro de 2009.

A cerimônia de assinatura aconteceria em abril, mês em que, há um ano, os dois líderes se encontraram pela primeira vez. No mêsmo mês, Obama fez um importante discurso em Praga em defesa do desarmamento nuclear.


Há quase um ano negociadores tentam encontrar um substituto para o primeiro Tratado de Redução de Armas Estratégicas (Start 1, na sigla em inglês), que foi assinado em 1991.

O novo acordo é crucial para uma reaproximação entre Moscou e Washington, após anos de tensões que tiveram seu auge com a guerra de 2008 entre a Rússia e a Geórgia, aliada dos EUA.

Em julho, Obama e Medvedev disseram que o tratado reduziria o número de ogivas nucleares operacionalmente instaladas para algo entre 1.500 e 1.675 de cada lado.

O tratado armamentista mais recente, assinado pelos então presidentes George W. Bush e Vladimir Putin obrigava cada lado a reduzir seus arsenais instalados para 2.200 ogivas nucleares até 2012.

Autoridades dos dois países dizem esperar que uma nova redução estimule outros países a também diminuírem seus arsenais nucleares, além de dar argumentos morais para os EUA contra o programa nuclear do Irã.

Com EFE e Reuters

Leia mais sobre desarmamento nuclear

    Leia tudo sobre: euarússia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG