Washington, 5 jan (EFE).- O secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), o chileno José Miguel Insulza, transmitiu hoje ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva seus pêsame pelas mortes provocadas pelas chuvas dos últimos dias no país.

Em carta ao chefe de Estado brasileiro, Insulza também disse que a OEA "está disposta a colaborar" com aquilo que o Governo do Brasil precisar.

"Dirijo-me à sua excelência para fazer chegar ao senhor, ao Governo e ao povo brasileiros nossas sentidas condolências e mostras de solidariedade pelas vítimas", escreveu Insulza.

A mensagem do secretário-geral da OEA foi divulgada justo quando era noticiado o desaparecimento de pelo menos 17 pessoas na queda de uma ponte no Rio Grande do Sul.

Desde o fim de 2009, as autoridades brasileiras já registraram 74 mortes no estado do Rio de Janeiro, 10 no de São Paulo e três no de Minas Gerais. EFE ojl/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.