Washington, 26 ago (EFE).- O Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos (OEA) fez hoje um minuto de silêncio em homenagem ao senador Edward Kennedy, que morreu na terça-feira após perder a luta contra um câncer cerebral.

O presidente do Conselho Permanente da OEA, Pedro Oyarce, solicitou, no início da sessão ordinária, que os embaixadores dos 33 países-membros do organismo interamericano fizessem um minuto de silêncio em memória do senador democrata, patriarca da dinastia política mais importante dos Estados Unidos.

O representante dos EUA perante a OEA, Lewis Amselem, lembrou Kennedy como um "líder do Congresso" e também como uma "reconhecida figura política" do país.

Edward "Ted" Kennedy morreu na terça-feira em sua residência de Hyannis Port, em Massachusetts, aos 77 anos, deixando para trás um legado de luta pela igualdade e pela justiça. EFE cae/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.