Obras de Picasso são arrematadas em leilão em N.York

Nova York, 22 jul (EFE).- Mais de 50 obras de artistas como os espanhóis Pablo Picasso e Joan Miró foram arrematadas hoje em Nova York, segundo informou a casa de leilões Christies.

EFE |

Entre as dez peças de Picasso, estavam "Salomé dansant pour Hérode", de 1971, e "Duel avec un spectateur nu", de 1968, ambas vendidas a US$ 6,875, além de quinze peças de barro cozido, que alcançaram entre US$ 1.125 e US$ 6.875.

Um dos destaques do evento foi a obra "L'étudiant", que Miró elaborou em 1975 e foi arrematada por US$ 6.875 dólares, depois de a casa britânica ter calculado seu valor entre US$ 2 mil e US$ 4 mil.

A venda mais cara do leilão de verão da Christie's foi um conjunto de doze obras do francês Marcel Duchamp (1875-1963), avaliado em US$ 5 mil e que alcançou US$ 20 mil. EFE bs/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG