Obama viaja para Copenhague em busca de acordo substancial na COP15

Washington, 17 dez (EFE).- O presidente americano, Barack Obama, vai hoje para Copenhague para participar do último dia da Cúpula das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP15) e tentar alcançar um acordo substancial contra o fenômeno.

EFE |

Obama sairá hoje de Washington às 19h locais (23h, no horário de Brasília) e passará poucas horas na capital dinamarquesa, onde se reunirá com mais de 100 líderes mundiais com a esperança de conseguir um pacto sobre cortes de emissões de gases poluentes e que ofereça financiamento aos países mais pobres para que se adaptem às novas tecnologias.

A Casa Branca assegurou que quer um acordo substancial e que não se conformará com boas palavras sem conteúdo.

Segundo declarou hoje o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, "voltar com um acordo carente de conteúdo seria bastante pior que retornar com as mãos vazias".

Obama, que nos últimos dias conversou pelo telefone com diversos líderes mundiais para tentar aproximar posições, "vai a Copenhague com a esperança de continuar os progressos e conseguir um acordo sólido que funcione", disse.

A proposta da Casa Branca para a COP15 prevê reduzir as emissões de seu país em 17% até 2020 em comparação com os níveis de 2005.

Isto equivale a uma redução de 3% frente aos níveis de 1990, a comparação utilizada pela União Europeia (UE).

O esforço será progressivo, de modo que até 2025 terá reduzido suas emissões em 30%; até 2030, 42%; e até 2050, 83%. EFE mv/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG