Obama vai nomear assessor de cibersegurança para a Casa Branca

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou que vai nomear um assessor-chefe de cibersegurança para a Casa Branca. O ciberespaço é real, e os riscos que o acompanham, também, afirmou, sem revelar o nome do escolhido para o cargo.

Redação com Reuters |

Nesta sexta-feira, Obama divulgou um relatório com recomendações para a proteção da rede cibernética do país. Liderada por Melissa Hathaway, a revisão de cibersegurança aconselhou o presidente a nomear um coordenador da Casa Branca para o assunto.

O relatório também disse que o setor privado precisa estar envolvido, mas Obama afirmou que sua administração não vai ditar padrões de cibersegurança a serem seguidos por empresas privadas.

"Agora nosso mundo virtual está ficando viral", disse Obama. "Estamos apenas começando a explorar a próxima geração de tecnologias que vão transformar nossas vidas de maneiras que nem sequer imaginamos. Um novo mundo está à nossa espera, um mundo de segurança maior e de maior prosperidade potencial, se dermos o salto."

A indústria tecnológica vem pressionando pela instalação de um assessor de cibersegurança na Casa Branca. Falhas nas defesas de cibersegurança nos EUA vêm permitindo incidentes graves de roubo de identidades pessoais, dinheiro, propriedade intelectual e segredos comerciais.

Leia mais sobre Barack Obama

    Leia tudo sobre: barack obama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG