Obama vai liberar uso de dinheiro público em pesquisas com células-tronco

Washington, 6 mar (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinará na segunda-feira um decreto suspendendo o veto de seu antecessor, o republicano George W.

EFE |

Bush, ao uso de dinheiro público em pesquisas com células-tronco, disseram hoje fontes do Governo.

Em agosto de 2001, Bush assinou um decreto que proibia o uso de fundos federais em estudos com células embrionárias.

Segundo informações, Obama assinará a resolução num ato na Casa Branca, no qual reverterá mais uma medida tomada por Bush.

Em pouco mais de 40 dias de mandato, o primeiro presidente negro dos EUA já ordenou o fechamento da prisão de Guantánamo no prazo de um ano, fixou para agosto de 2010 o fim das operações de combate no Iraque e suspendeu o veto ao financiamento público de operações no exterior promovidas por organizações humanitárias favoráveis ao aborto.

Obama já tinha prometido liberar o uso de dinheiro público em pesquisas com células-tronco durante a campanha presidencial, com o argumento de que o veto atava as mãos dos cientistas e prejudicava a capacidade dos EUA "de competir com outros países". EFE mv/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG