Obama tem cunhada chinesa

Pequim, 20 jan (EFE).- O meio-irmão do presidente eleito dos Estados Unidos Mark Ndesandjo vive na China há sete anos, fala mandarim, toca piano e é casado com uma mulher chinesa, informou hoje o jornal Beijing Times, a poucas horas de Barack Obama tomar posse.

EFE |

Ndesandjo utiliza o sobrenome de sua mãe, a terceira mulher do pai de Barack Obama, e está previsto que vá hoje a Washington à cerimônia em que seu meio-irmão assumirá o cargo como presidente.

O meio-irmão de Obama reside há sete anos na cidade de Shenzhen, fronteiriça com Hong Kong, e sua primeira aparição pública aconteceu na semana passada, quando deu um show de piano cuja arrecadação foi destinada a crianças de um orfanato.

A mulher de Mark se manteve em silêncio entre a multidão, segundo o diário, que publica uma foto de uma chinesa vestida com um traje de seda tradicional, mas não revela seu nome.

Ndesandjo quer se manter afastado da fama de seu meio-irmão e, por essa razão, não mencionou Obama durante seu show e suas declarações à imprensa foram curtas.

O meio-irmão de Obama apareceu no show, patrocinado pela Câmara de Comércio Americana, trajando um zhongshan, tradicional jaqueta masculina chinesa para homens, confeccionada em seda e de cor café.

EFE mz/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG