convergência republicana com sua criticada política externa - Mundo - iG" /

Obama ressalta convergência republicana com sua criticada política externa

O candidato democrata à Casa Branca, Barack Obama, destacou a convergência do governo republicano e do candidato presidencial governista, John McCain, em torno de suas metas de política exterior para os Estados Unidos.

AFP |

"Agora há uma convergência sobre vários princípios relativos a nossa política exterior que se correspondem a muitas das coisas que eu tenho sugerido", disse o senador de 46 anos à rede norte-americana ABC, durante uma entrevista concedida em Bagdá durante sua viagem pelo Oriente Médio.

Nesse sentido, Obama lamentou as severas críticas que recebeu dos republicanos ao propor um plano de 16 meses para retirar as tropas norte-americanas do Iraque, prazo que no final de semana foi esboçado por Washington e Bagdá, embora uma data precisa não tenha sido mencionada.

Também ressaltou seu plano mencionado há alguns meses de enviar duas brigadas adicionais ao Afeganistão, sugestão rejeitada então por seu rival nas eleições de novembro, que agora só coloca em dúvida se essa transferência de tropas será suficiente para enfrentar a insurgência afegã.

Por fim, lembrou a demonização de sua defesa da via diplomática na questão nuclear iraniana, para ironizar: "Fico emocionado ao ver um diplomata excepcional, (o subsecretário de Estado) Bill Burns, envolvido atualmente em negociações" com Teerã.



    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG