Obama recruta ex-diretora de campanha de Hillary

Washington, 16 jun (EFE).- A equipe do virtual candidato democrata à Casa Branca, Barack Obama, anunciou hoje que contratou Patti Solis Doyle, que foi diretora de campanha de sua ex-adversária Hillary Clinton, como chefe de Gabinete do futuro aspirante à Vice-Presidência dos Estados Unidos.

EFE |

Hillary e Doyle mantêm uma longa amizade, mas a senadora destituiu-a de seu cargo em fevereiro após uma série de vitórias de Obama em primárias estaduais e em um momento de dificuldades econômicas para sua campanha.

Doyle era, então, a mulher latina de maior relevância no processo eleitoral para a Presidência americana.

A partir de hoje ela ficará encarregada de preparar o caminho à pessoa que Obama escolher como seu companheiro de chapa visando às eleições de novembro.

Doyle foi uma das 15 pessoas que se incorporaram hoje às fileiras de Obama, de acordo com o anúncio de sua campanha.

Dos outros, a mais famosa é Stéphanie Cutter, estrategista democrata e atual porta-voz do senador Ted Kennedy, que se transformará na chefe de Gabinete de Michelle Obama.

Nas eleições presidenciais de em 2004, Cutter foi diretora de comunicações do candidato democrata, o senador John Kerry.

A partir de seu novo posto, ela se encarregará de moldar a imagem da esposa do senador por Illinois, que sofreu recentemente críticas de alguns conservadores, que a acusam de manifestar desprezo para com os brancos.

A campanha de Obama também informou que o chefe de Gabinete do candidato será Jim Messina, que desempenhava a mesma tarefa para o senador democrata Max Baucus. EFE cma/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG