Obama receberá mata-moscas automático de presente

Pequim, 23 jun (EFE).- Um inventor chinês disse que vai dar um mata-moscas ultrassônico de presente ao presidente americano, Barack Obama, já que ele não considera higiênico que o líder dos Estados Unidos mate os insetos com a mão, como fez recentemente em um programa de televisão, informou hoje a agência oficial Xinhua.

EFE |

Hu Xilin, empresário apelidado de "Senhor dos Mata-moscas" na China, quer dar o presente a Obama como forma de promover seu aparelho, que "apanha as moscas vivas automaticamente", segundo a agência de notícias.

Xilin destacou que a organização ambientalista internacional PETA, que luta pelo tratamento ético dos animais, já mostrou interesse no aparelho e prometeu ajudar o empresário chinês, para garantir que o presente chegue às mãos de Obama.

A PETA foi a organização que mais criticou o presidente americano por matar uma mosca diante das câmaras, na semana passada, durante uma entrevista para o canal "CNBC", na Casa Branca.

O mata-moscas de Xilin utiliza gordura orgânica e raios ultravioleta para atrair e apanhar os insetos.

Xilin afirmou que já conseguiu apanhar 10 milhões de moscas e enviou centenas do aparelho para zonas tropicais com abundância de insetos. EFE abc/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG