Obama receberá Benjamin Netanyahu na Casa Branca em março

Programa nuclear iraniano e as sanções contra o Irã devem pautar o encontro nos Estados Unidos

EFE |

O presidente americano, Barack Obama, se reunirá com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, no próximo dia 5 de março, anunciou nesta segunda-feira a Casa Branca. O conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Tom Donilon, fez o convite a Netanyahu pessoalmente durante uma visita oficial a Israel de três dias que terminou hoje e durante a qual abordou "uma ampla gama de assuntos de segurança" de interesse mútuo. A visita "faz parte do contínuo e intenso diálogo entre EUA e Israel e reflete nosso inquebrantável compromisso com os israelenses", indicou a Casa Branca em comunicado.

Veja o especial do iG sobre as eleições nos EUA

O funcionário americano se reuniu também com o ministro da Defesa, Ehud Barak; o chefe do Estado-Maior israelense, Benny Gantz, e o assessor de Segurança Nacional, o general Yaakow Amidror. A viagem de Donilon aconteceu no momento em que se especula um possível ataque militar israelense às instalações nucleares do Irã.

Netanyahu reiterou em múltiplas ocasiões que o programa nuclear iraniano representa "uma ameaça existencial" para o Estado judeu, à qual enfrentarão com os meios que considerarem necessários. Os EUA e seus aliados na Europa promovem o aumento das sanções contra o Irã para que este país suspenda seu programa de desenvolvimento de energia nuclear que, segundo Washington, se encaminha à fabricação de armas atômicas.

O secretário de Defesa dos EUA, Leon Panetta, advertiu que atacar as instalações nucleares do Irã poderia ter efeitos "inesperados" e um "sério impacto" na região, e por isso considera que um ataque deve ser o "último recurso".

    Leia tudo sobre: Estados UnidosEUAIsraelObamaBarack Obama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG