Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Obama quer conhecer luta contra tráfico de drogas em Colômbia e México

Bogotá, 25 ago (EFE) - O candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, planeja visitar Colômbia e México para conhecer a luta contra o tráfico de drogas realizada pelos dois países, informou hoje um delegado do partido. Domingo García, delegado na convenção democrata realizada atualmente em Denver (Colorado), assegurou em uma videoconferência com uma universidade de Bogotá que ainda não há datas definitivas sobre a possível visita de Obama. Ele está interessado em visitar México e Colômbia. O que acontece é que não há ainda datas fixadas porque a agenda está mudando a cada semana, disse García na videoconferência com a Universidade de El Rosario.

EFE |

Além disso, afirmou que, caso Obama chegue à Presidência dos Estados Unidos nas eleições de novembro, haverá uma mudança na política de ajuda para a Colômbia com uma ênfase mais social.

"Haverá menos ajuda militar e mais ajuda econômica para as políticas sociais", disse o delegado democrata, ao ressaltar que esse é um dos princípios do partido.

No início de julho, o candidato republicano à Presidência dos EUA, John McCain, também visitou Colômbia e México para reiterar seu apoio à luta contra as drogas e a insegurança nos dois países.

O prefeito de Bogotá, Samuel Moreno, membro de um dos principais partidos de oposição ao Governo do presidente colombiano, Álvaro Uribe, aproveitou um encontro no final de junho com Obama em Miami para convidá-lo a visitar Bogotá.

A Colômbia é um dos maiores aliados dos EUA na América Latina e um dos países que mais ajuda militar recebe de Washington.

Os Estados Unidos e a Colômbia assinaram, em novembro de 2006, um Tratado de Livre-Comércio (TLC) que não foi ratificado devido à oposição da maioria democrata no Congresso americano. EFE fer/db

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG