Obama propõe US$ 12 bi para adequar sistema educacional

Washington, 14 jul (EFE).- O presidente americano, Barack Obama, propôs hoje um plano de US$ 12 bilhões para adequar o sistema educacional às necessidades do mercado de trabalho.

EFE |

Obama fez o anúncio em discurso em uma escola comunitária de Macomb, em Michigan, depois que a Casa Branca apresentou na segunda-feira um relatório sobre os empregos que a economia americana demandará nos próximos dez anos.

Dentro dessa iniciativa, os centros onde são dados cursos técnicos de dois anos poderão solicitar financiamento para novos programas ou melhorar a capacitação que oferecem.

O dinheiro será usado para renovar instalações obsoletas ou construir novas, e no desenvolvimento de cursos na internet que facilitem o acesso a estudantes e aos trabalhadores que queiram continuar se formando.

A medida também diz que esses cursos de dois anos, que costumam ser dados nos chamados colégios comunitários, sejam adaptados para que os que queiram continuar possam ter acesso ao de quatro anos da matéria equivalente.

Segundo fontes oficiais, atualmente há seis milhões de estudantes inscritos em colégios comunitários.

"É a hora de reformar nossos colégios comunitários e fornecer aos americanos de todas as idades a oportunidade de aprender novas habilidades e proporcionar a eles o conhecimento necessário para competir pelos trabalhos do futuro", afirmou Obama.

Segundo o relatório apresentado pela Casa Branca, os trabalhos mais demandados serão os relacionados à saúde, como médicos e técnicos em informação sanitária, e ao meio ambiente, como engenheiros e pessoal especializado em energias renováveis.

Do montante proposto por Obama, US$ 9 bilhões seriam para bolsas de estudos, US$ 500 milhões seriam destinados à formação pela internet e, do resto, uma parte iria para melhora dos centros educativos.

O plano é uma proposta para os próximos dez anos, mas parte do dinheiro poderá estar disponível para o orçamento do ano fiscal 2010, que começa em outubro. EFE elv/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG