O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defendeu nesta terça-feira uma coordenação global para garantir o fornecimento de alimentos aos países mais pobres, diante do agravamento da situação alimentar com a crise financeira internacional.

Obama, que se reuniu com o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, também advertiu que a expulsão por parte do governo do Sudão dos grupos de ajuda humanitária que operam em Darfur é algo inaceitável.

col/ksh/ml

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.