O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, se disse nesta segunda-feira disposto a utilizar todo o poder de fogo de seu país para eliminar a ameaça do terrorismo, depois dos atentados de Mumbai que deixaram pelo menos 172 mortos.

"Não podemos tolerar um mundo em que inocentes são mortos por extremistas. Temos que recorrer a nossa força total, não apenas militar, mas também diplomática e política, para responder a essas ameaças", declarou Obama durante uma entrevista coletiva em Chicago (nnorte dos EUA).

Obama, que acabava de apresentar os membros de seu futuro governo encarregados da defesa e da diplomacia, afirmou que ele e sua equipe estão "absolutamente determinados a eliminar a ameaça do terrorismo".

bar/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.