Obama promete encarar grandes desafios econômicos

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta terça-feira que não será dissuadido de assumir novos desafios econômicos após sua vitória com a aprovação da reforma do sistema de saúde, apesar da perspectiva de continuidade da oposição republicana. Eu continuarei a escutar os republicanos. Eu continuarei a incorporar suas ideias, mesmo quando eles não votarem nas ideias que eu apresento, disse Obama em entrevista ao programa de televisão Today, da rede norte-americana NBC.

Reuters |

"Mas eu não serei dissuadido a ir em frente e assumir esses grandes desafios que são críticos em termos da saúde econômica de longo prazo da América."

Os democratas conseguiram aprovar no Congresso o plano de reforma do sistema de saúde proposto por Obama sem um único voto dos republicanos, que disseram que as reformas são caras demais e exigiriam muito envolvimento federal no setor privado.

"O Partido Republicano fez uma decisão calculada, uma decisão política de não apoiar o que quer que nós fizéssemos", disse Obama.

"Qualquer observador objetivo que olha para essa lei diria que é uma abordagem de meio-termo, centrista", disse ele.

(Reportagem de David Morgan)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG