Obama preside encontro sobre armas nucleares

NOVA YORK - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, presidirá um encontro histórico no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta quinta-feira, com a expectativa de que peça aos países com armas nucleares para que abram mão de seus arsenais.

Reuters |

Será a primeira vez que um presidente dos Estados Unidos preside uma cúpula do conselho de 15 países desde a criação do órgão, em 1946.

Diplomatas dizem que os membros do conselho devem adotar por unanimidade uma resolução apresentada pelos Estados Unidos, que declara a "necessidade de mais esforços na esfera do desarmamento nuclear" e pede a todos os países que não assinaram o Tratado de Não Proliferação Nuclear para fazê-lo.

O conselho, que se reúne no segundo dia da sessão anual da Assembleia Geral da ONU, verá pela quinta vez uma reunião com chefes de Estado e de governo. Também será a primeira cúpula do Conselho de Segurança a focar exclusivamente em proliferação nuclear e desarmamento.

Todos os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança -Estados Unidos, Rússia, China, Grã-Bretanha e França - têm bombas nucleares.

Leia mais sobre: Barack Obama

    Leia tudo sobre: armas nuclearesobamaonu

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG