O presidente Barack Obama expressou nesta terça-feira a preocupação do governo de Estados Unidos com o atentado contra a equipe de críquete do Sri Lanka no Paquistão que causou a morte de oito pessoas e deixou feridos sete integrantes do time.

Obama preferiu evitar um comentário direto durante a entrevista à imprensa ao lado do primeiro-ministro britânico Gordon Brown, dizendo que "os detalhes ainda estão surgindo, pelo que não quero ser demasiadamente específico".

col/mac/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.