Obama preocupado com a Síria mas favorável a contatos

O presidente americano, Barack Obama, se declarou preocupado com o comportamento da Síria em certos temas, mas reiterou a esperança de de progressos nos contatos diplomáticos esboçados recentemente.

AFP |

Em uma entrevista ao canal britânico Sky News, Obama mencionou o convite informal feito pelo colega sírio, Bashar al-Assad, no início do mês para uma reunião na Síria que discutiria os problemas do Oriente Médio.

"Há aspectos no comportamento dos sírios que nos preocupam e pensamos que existe um meio da Síria desempenhar um papel mais construtivo em uma série destes problemas", afirmou Obama na entrevista, concedida em Gana.

O governo dos Estados Unidos anunciou em 24 de junho o envio de um novo embaixador a Síria, depois de quatro anos sem representante diplomático, que o governo de George W. Bush retirou após o assassinato do ex-premier libanês Rafif Hariri em 2005, crime sobre o qual pesam acusações contra o regime sírio.

Obama considera a Síria chave para a obtenção da paz no Oriente Médio.

rjm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG