Obama pede a Senado que aprove imposto sobre bônus da AIG

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta sexta-feira que espera que os senadores aprovem o projeto votado na Câmara de Representantes que taxa em 90% os bônus pagos pela seguradora AIG a seus executivos.

AFP |

"A votação de hoje (na Câmara) reflete a ira que tantos sentem com os bônus pagos pela AIG em detrimento dos contribuintes, que mantiveram esta empresa fracassada flutuando", disse Obama.

"Agora, esta lei será votada no Senado, e espero que a decisão final sirva para que os executivos destas empresas saibam que não toleraremos mais estes bônus".

Segundo Obama, "este é um sintoma de um problema maior, de uma economia cíclica que valoriza a especulação insensata acima da responsabilidade e do trabalho. É isto que precisamos corrigir para construir uma prosperidade ampla e duradoura".

O escândalo dos bônus pagos pela AIG a seus executivos, totalizando 165 milhões de dólares, mobilizou a opinião pública dos Estados Unidos.

Diante da onda de indignação, a Câmara de Representantes aprovou nesta quinta-feira um projeto de lei que taxa em 90% os bônus pagos pela AIG.

col/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG