O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ordenou nesta sexta-feira o aumento da segurança aérea, em seguida a uma possível tentativa de atentado num vôo entre Amsterdã e Detroit, segundo a Casa Branca.

Obama foi informado sobre o incidente por seu assessor em Segurança Interior John Brennan, e pelo diretor de Segurança Nacional, Denis McDonough.

"O presidente está acompanhando ativamente a situação e recebendo informes regulares", acrescentou.

ch/sah/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.