Obama oferece apoio a líder indonésio após atentados em Jacarta

Washington, 18 jul (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ligou neste sábado para o chefe de Estado indonésio, Susilo Bambang Yudhoyono, para expressar apoio após os atentados contra dois hotéis de luxo americanos em Jacarta, que mataram pelo menos nove pessoas.

EFE |

Reuters
Hotéis foram alvos de ataques
A Casa Branca informou hoje em comunicado que na conversa Obama ofereceu ao Governo indonésio apoio na investigação sobre os ataques.

Os dois líderes "reafirmaram a estreita colaboração entre EUA e Indonésia na luta contra o extremismo no Sudeste Asiático e no mundo todo".

Obama, por sua vez, ressaltou a realização de eleições na Indonésia no último dia 8, em que Yudhoyono foi reeleito, que segundo ele "lembraram ao mundo que o Islã, a democracia e a diversidade podem coexistir e prosperar".

O presidente americano expressou seu compromisso com a intensificação da colaboração com a Indonésia em uma série de áreas, incluindo "a promoção da democracia, a troca educativa e a mudança climática".

Jacarta confirmou hoje que o duplo atentado foi obra de uma facção radical desligada da Jemaah Islamiya, braço da Al Qaeda no Sudeste Asiático.

Leia mais sobre Indonésia

    Leia tudo sobre: indonésiajacartaobama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG