Obama nomeia Thomas Shannon como embaixador no Brasil

O presidente americano, Barack Obama, nomeou nesta quarta-feira Thomas Shannon para o cargo de embaixador dos Estados Unidos no Brasil, informou a Casa Branca.

AFP |

Subsecretário para as Américas do departamento de Estado e diplomata de carreira, Shannon já havia recebido o "agrément" do chanceler Celso Amorim.

Shannon, que fala português e foi assistente especial da embaixada americana no Brasil entre 1989 e 1992, era o nome preferido por Brasília.

O diplomata, que entre 2000 e 2001 ocupou o cargo de representante permanente adjunto da Organização dos Estados Americanos (OEA), tem doutorado e mestrado em política pela Universidade de Oxford.

Shannon substitui o embaixador Clifford M. Sobel, indicado por George W. Bush.

Obama também nomeou Charles Charles Rivkin, presidente da empresa de produção audiovisual Wildbrain, como embaixador americano na França.

Rivkin, que integra o Conselho de Segurança Interna, é formado em Ciências Políticas e Relações Internacionais na Universidade de Yale.

Para liderar a embaixada dos EUA na Índia, Obama escolheu o ex-congressista Timothy Roemer, que atuou na comissão que investigou os atentados do 11 de Setembro e em uma comissão-chave para impedir a proliferação nuclear.

O embaixada americana no Japão foi entregue a John Roos, um advogado especializado em tecnologia e que "reforçará nossas parcerias no exterior neste período crítico para o país e o mundo", destacou Obama.

col/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG