Obama mantém vantagem de 4 pontos sobre McCain, diz pesquisa

WASHINGTON - O democrata Barack Obama mantém uma vantagem de 4 pontos percentuais sobre o republicano John McCain em uma equilibrada corrida pela Casa Branca, de acordo com uma pesquisa Reuters/C-SPAN/Zogby divulgada neste sábado.

Reuters |

  • Saiba tudo sobre a corrida à Casa Branca
  • Obama concentra-se na economia e rebate ataques a McCain
  • Obama tem 48 por cento das intenções de voto contra 44 de McCain, numa ligeira queda em relação à vantagem de 5 pontos obtida pelo democrata na sexta-feira. A pesquisa tem uma margem de erro de 2,9 pontos percentuais.

    "Nós estamos essencialmente em um padrão de manutenção", disse o pesquisador John Zogby. "A corrida tornou-se bastante estável."

    Obama manteve uma sólida liderança de 11 pontos entre as mulheres e de 9 pontos entre independentes, dois grupos chave nas eleições presidenciais de 4 de novembro.

    O senador por Illinois, que pode tornar-se o primeiro presidente negro dos Estados Unidos, tem o apoio de mais de nove entre dez eleitores negros -- o mais fiel eleitorado do democrata -- e de seis entre dez hispânicos.

    Obama consolidou sua liderança na corrida eleitoral depois de semanas de turbulências na economia que levaram a bruscas quedas nos mercados de ações e a um pacote de 700 bilhões de dólares para salvar instituições financeiras dos EUA.

    McCain, um senador por Arizona, tem uma vantagem de 15 pontos entre eleitores brancos e uma apertada liderança entre eleitores com maior renda, homens e católicos. Mas o ex-oficial da marinha e prisioneiro de guerra no Vietnã perde para Obama entre eleitores com um militar na família.

    A maior parte da pesquisa, conduzida entre terça e sexta-feira, foi feita após o segundo debate entre os dois candidatos, na terça.

    O candidato independente Ralph Nader tem o apoio de 2 por cento dos eleitores, enquanto o liberal Bob Barr e Cynthia McKinney, do Partido Verde, registraram 1 por cento das intenções de voto cada um. Os indecisos são 3 por cento.

    A pesquisa, divulgada diariamente, ouviu 1.208 eleitores durante três dias. Pela sua metodologia, os resultados do dia mais recente do levantamento são todos os dias colocados no lugar dos resultados do dia mais antigo da pesquisa anterior.

    Leia mais sobre: eleições nos EUA

      Leia tudo sobre: barack obamaeleições nos euajohn mccain

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG