O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira que manterá por mais um ano as sanções contra o Zimbábue, ao estimar que o país africano não resolveu sua crise política e social.

"Prolongo por mais um ano as medidas de urgência nacional impostas devido às ações e às políticas de certos membros do governo do Zimbábue", destacou o presidente em um comunicado.

col/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.