Obama indica ex-agente de inteligência para segurança aérea

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou nesta segunda-feira a escolha de um ex-militar com experiência junto à comunidade de inteligência para coordenar questões de segurança aérea, num momento de elevada preocupação com sequestros e explosões de aviões.

Reuters |

Obama indicou o general da reserva do Exército Robert Harding para dirigir a Administração da Segurança nos Transportes, depois que seu primeiro escolhido, Erroll Southers, desistiu após ser questionado pela oposição republicana sobre se tentaria sindicalizar a força de trabalho que faz as revistas de passageiros e bagagens em aeroportos do país.

"Estou confiante de que o talento e o conhecimento de Bob farão dele um tremendo patrimônio em nossos atuais esforços para reforçar a segurança e as medidas de revista nos nossos aeroportos", disse Obama em nota.

Harding já foi adjunto do chefe de inteligência do Exército e diretor de operações da Agência de Inteligência da Defesa. Após ser reformado, abriu uma firma de consultoria em segurança, que vendeu em 2009.

A vigilância aeroportuária nos EUA e no exterior está sob maior cuidado desde o último dia de Natal, quando um nigeriano foi preso com explosivos num voo Amsterdã-Detroit.

Leia mais sobre segurança

    Leia tudo sobre: euasegurançaterrorismo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG