Obama escolhe dois novos membros de sua equipe econômica

Washington, 24 nov (EFE) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, nomeou hoje Tim Geithner, presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano) de Nova York, como secretário do Tesouro, e Lawrence Summers como diretor do Conselho Econômico Nacional da Casa Branca.

EFE |

Geithner, de 47 anos, é um conhecido defensor do livre mercado e do equilíbrio orçamentário e substituirá Henry Paulson, o atual secretário do Tesouro e ex-presidente do banco americano Goldman Sachs.

Summers foi ex-secretário do Tesouro na Presidência de Bill Clinton (1993-2001), assim como ex-presidente da Universidade de Harvard.

O próximo diretor do Conselho Econômico Nacional da Casa Branca é filho de dois economistas e sobrinho de dois Prêmios Nobel em economia.

Obama anunciou ainda que Christina Romer, uma prestigiosa economista da Universidade da Califórnia em Berkeley que respaldou sua candidatura presidencial, será a diretora do Conselho de Assessores Econômicos da Casa Branca.

Além disso, Melody Barnes, que já faz parte da equipe de transição de Obama, será a diretora do Conselho de Política Doméstica, e Heather Higginbottom, a subdiretora.

O presidente eleito disse que as últimas notícias deixaram ainda mais claro que os Estados Unidos enfrentam uma crise econômica de "proporções históricas".

"A maioria dos analistas acredita que poderíamos perder milhões de postos de trabalho no próximo ano", acrescentou Obama.

Ele destacou que a equipe econômica recém-anunciada goza de "um critério sensato e idéias sensatas".

O democrata insistiu em que a primeira tarefa da equipe recém-nomeada deverá dar forma ao pacote de estímulo econômico, mas não precisou um número concreto.

Ele insistiu em que a aprovação do citado pacote deveria ser a prioridade do próximo Congresso quando retomar as sessões, em 6 de janeiro. EFE tb/rr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG