Obama escala assessores de segurança nacional e assuntos externos

Washington, 18 jun (EFE) - O virtual candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje a escalação de sua equipe de assessores de segurança nacional e política externa, que inclui ex-secretários de Estado, um ex-chefe do Pentágono e ex-legisladores. Em mensagem distribuída por seu escritório de campanha, o senador de Illinois, que é o primeiro negro com chances de alcançar a Presidência dos Estados Unidos, afirmou que chegou o momento de mudar o rumo na política externa. É tempo de pôr fim, de maneira responsável, à Guerra do Iraque, de voltar a atenção ao Afeganistão e à Al Qaeda, e de renovar nossa liderança global para encarar os enormes desafios do século XXI, acrescentou. Os nomes mais proeminentes de sua equipe, com a qual se reúne hoje em Washington, incluem os ex-secretários de Estado Warren Christopher e Madeleine Albright, assim como o ex-chefe do Pentágono William Perry. Os três foram membros do Gabinete durante a Presidência de Bill Clinton e foram assessores na campanha da esposa desse, a senadora por Nova York Hillary Clinton, a quem Obama derrotou em acirradas eleições primárias que terminaram no início de junho. Além disso, Obama se reunirá hoje com quase 40 almirantes e generais reformados, com os quais discutirá a situação das Forças Armadas e os conflitos no Afeganistão, Iraque e outras regiões do mundo. Obama destacou que outros membros de sua equipe de segurança nacional são o ex-senador da G...

EFE |

Na lista aparece Anthony Lake, que foi conselheiro de Segurança Nacional do presidente Clinton, e fez parte da campanha de Obama há muitos meses, da mesma forma que a ex-secretária-adjunta de Estado para Assuntos Africanos Susan Rice, a principal assessora de política internacional para Obama. EFE jab/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG