Obama enviará embaixador à Síria após mais de 4 anos

Washington, 24 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, decidiu enviar novamente um embaixador de seu país à Síria após uma ausência de mais de quatro anos, informou hoje o jornal The Washington Post.

EFE |

O diário, que cita como fonte para a informação uma autoridade de alto escalão que pediu anonimato, afirmou que ontem à noite o secretário de Estado adjunto para o Oriente Médio, Jeffrey Feltman, informou a intenção de Obama ao embaixador da Síria em Washington, Imad Mustafa.

"Com o retorno de um enviado americano a Damasco, o Governo de Obama busca um papel mais amplo para os EUA na região, ao mesmo tempo em que o presidente (Obama) trabalha para reabilitar as relações com o mundo islâmico e o Oriente Médio", avalia o diário.

O ex-presidente americano George W. Bush retirou o embaixador dos EUA em Damasco em fevereiro de 2005, depois do assassinato do ex-primeiro-ministro libanês Rafik Hariri.

Ainda segundo o "Post" há suspeitas de que "agentes dos serviços de inteligência sírios estiveram ligados ao ataque em Beirute que matou Hariri. O presidente sírio Bashar al-Assad refutou a acusação". EFE jab/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG