Obama envia pêsames pelas vítimas nos atentados de Mumbai

Washington, 28 nov (EFE) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou hoje suas condolências pelas vítimas nos atentados de Mumbai e assegurou que o país deve permanecer com a Índia e com as nações comprometidas na luta contra o terrorismo. Em comunicado, Obama e sua esposa, Michelle, enviaram seu mais sentido pêsame às famílias das centenas de falecidos nos ataques cometidos contra vários locais públicos em Mumbai, entre os quais há pelo menos dois americanos. Nossos pensamentos e orações estão com eles, e com todos os que foram afetados por esta terrível tragédia. O presidente eleito assegurou que os terroristas que cometeram o ataque não derrotarão a grande democracia indiana, nem conseguirão acabar com o desejo global de derrotá-los. Por isso, considerou que os Estados Unidos devem permanecer com a Índia e com todas as nações que se comprometeram a destruir as redes terroristas, para combater sua ideologia cheia de ódio. Obama destacou que, nestes momentos de transição, só há um presidente nos EUA, George W. Bush, mas que está acompanhando de perto a evolução dos eventos.

EFE |

Neste sentido, ressaltou "pleno apoio à Administração Bush nos esforços por proteger os cidadãos e ajudar o Governo da Índia neste trágico momento". EFE elv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG