Obama e Medvedev se reunirão em Copenhague para debater desarmamento nuclear

Os presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, e da Rússia, Dmitri Medvedev, se reunirão à margem da cúpula do clima em Copenhague para discutir um acordo de redução dos arsenais nucleares, indicou nesta quinta-feira à AFP um alto funcionário americano.

AFP |

Obama e Medvedev, que são esperados nesta sexta-feira na capital dinamarquesa para participar do último dia da conferência internacional sobre as mudanças climáticas, "discutirão sobre as negociações em curso sobre um sucessor (do tratado) START", explicou o funcionário, que pediu o anonimato.

O chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov, declarou nesta quinta que as negociações de desarmamento em Genebra haviam sido freadas pela delegação americana, tornando "altamente improvável" a assinatura de um novo acordo em Copenhague.

O porta-voz do Conselho de Segurança Nacional americano, Michael Hammer, indicou por sua vez à AFP que o objetivo dos Estados Unidos continua sendo "concluir um acordo (...) antes do fim do ano".

Segundo Hammer, "os presidentes Obama e Medvedev instruíram suas delegações a trabalhar intensamente para alcançar um acordo para substituir o START. E temos avançado".

Russos e americanos negociam há seis meses um novo acordo para substituir o START 1, assinado em 1991, que expirou no último dia 5 de dezembro.

Leia mais sobre arsenal nuclear

    Leia tudo sobre: barack obamadmitri medvédevestados unidosrússia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG