Obama e Chávez apertam as mãos em Trinidad

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o líder venezuelano, Hugo Chávez, um severo crítico das políticas americanas, apertaram as mãos nesta sexta-feira, na abertura da Cúpula das Américas, em Port of Spain.

AFP |

"Foi por segundos, se olharam e ocorreu o cumprimento, durante a abertura oficial (da Cúpula). Algo muito rápido. O presidente Chávez saudou Obama em espanhol e este respondeu em inglês", revelaram à AFP fontes da presidência venezuelana.

"Com esta mão, há oito anos, saudei (George W.) Bush. Quero ser seu amigo", disse Chávez, conciliador, a Obama.

Nas fotos divulgadas pela presidência venezuelana, Obama e Chávez aparecem sorrindo e relaxados.

Em novembro passado, Chávez qualificou a eleição de Obama de "histórica", mas posteriormente desqualificou o líder americano ao chamá-lo de "pobre ignorante".

A Venezuela expulsou o embaixador americano em Caracas, em setembro passado, e Washington reagiu fazendo o mesmo com o representante diplomático de Caracas nos Estados Unidos.

bl/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG