Obama diz que Itália aceitará 3 detidos de Guantánamo

Washington, 15 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse hoje ao fim de sua reunião na Casa Branca com o primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, que o país europeu aceitará três detidos da prisão da base militar de Guantánamo, em Cuba.

EFE |

EFE tb/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG