NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O presidente dos EUA, Barack Obama, que fez sua estreia nesta quarta-feira na ONU, disse que chegaram ao fim os dias em que seu país emperrava a luta contra as mudanças climáticas. Obama se comprometeu a promover a energia renovável e compartilhar tecnologia verde com os demais países do mundo.

"Nós vamos pressionar por maiores cortes nas emissões (de gasses causadores do efeito estufa) para alcançar os objetivos que estabelecemos para 2020 e finalmente 2050", disse Obama em seu primeiro discurso na Assembleia Geral da ONU.

(Reportagem de Matt Spetalnick, texto de Claudia Parsons)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.