Obama dirá ao Irã que portas estão abertas para melhor relação

Segundo Casa Branca, presidente americano usará discurso na assembleia da ONU para pressionar programa nuclear iraniano

Reuters |

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, dirá ao Irã que "a porta está aberta" para melhorar as relações com a comunidade internacional, se puder demonstrar as intenções pacíficas de seu programa nuclear.

Segundo informou a Casa Branca nesta segunda-feira, diante das novas e rígidas sanções da Organização das Nações Unidas contra a república islâmica, Obama usará seu discurso na Assembleia Geral da entidade nesta semana para pressionar o Irã de que as consequências de seu programa de enriquecimento de urânio irão aumentar caso o país não cumpra suas obrigações internacionais.

"A porta está aberta para eles terem uma relação melhor com os Estados Unidos e com a comunidade internacional", confirmou o vice-conselheiro de segurança nacional da Casa Branca, Ben Rhodes. "No entanto, para caminhar por esta porta, o Irã terá de demonstrar seu comprometimento em mostrar a intenção pacífica de seu programa nuclear, e cumprir suas obrigações com a comunidade internacional".

O discurso de Obama na assembleia da ONU está previsto para acontecer na quinta-feira.

Sanções

O Conselho de Segurança da ONU, junto com EUA e União Europeia, impuseram sanções mais duras ao Irã, que tem desafiado a comunidade internacional ao dar sequência ao enriquecimento de urânio.

O governo iraniano afirma necessitar de urânio enriquecido para a geração pacífica de eletricidade, mas os EUA e seus aliados, incluindo Israel, temem que o programa de Teerã seja um disfarce para a produção de uma bomba atômica.

"O custo que o Irã está enfrentando tem sido maior do que esperava com as sanções", disse Rhodes. "O presidente quer destacar, e continuar a destacar, que esta é uma via de duas mãos", concluiu.

    Leia tudo sobre: irãsançõesahmadinejadobamacasa branca

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG