Obama defende superar crise com a coragem dos fundadores

Washington, 4 jul (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu hoje para enfrentar a crise econômica, as guerras do Iraque e do Afeganistão, e outras dificuldades com o indômito espírito dos primeiros cidadãos que conseguiram a independência do país, em 4 de julho de 1776.

EFE |

"Que o espírito inquebrantável que definiu nosso passado nos conduza para o futuro", disse Obama, em seu discurso semanal por rádio, que dedicou à celebração do Dia da Independência dos EUA.

"Inclusive quando enfrentamos enormes desafios - duas guerras, uma profunda recessão, o aumento dos custos de saúde e uma dependência do petróleo estrangeiro -, sempre conseguimos superar nossas dificuldades", disse.

O presidente pediu que os americanos "lembrem e renovem esse espírito" para enfrentar os desafios atuais, porque, para enfrentar "estes desafios extraordinários, será necessário um esforço extraordinário por parte de todos os americanos".

Um esforço "que não podemos adiar por mais tempo", disse Obama disse que este "é o momento de colocar as bases para o crescimento e a prosperidade" do país e, portanto, é o momento de reformar o sistema educacional, o sistema de saúde e cumprir o desafio energético, para tornar rentável o uso da energia limpa e acabar com a dependência do petróleo estrangeiro.

"Não somos um povo que teme o futuro", acrescentou Obama, que assegurou que será dessa forma que esta geração de americanos "deixará sua marca na história".

O líder comemorará o 4 de julho na Casa Branca, onde deve prestar uma homenagem a heróis militares e seus parentes com um churrasco no Jardim Sul.

A Casa Branca convidou 1,2 mil famílias de militares a esta celebração, que terminará com fogos de artifício e música da banda da Infantaria da Marinha.

Obama voltará de sua residência de Camp David, aonde foi na sexta-feira com a família para comemorar o 11º aniversário da filha mais velha, Malia. EFE elv/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG