Washington, 6 nov (EFE).- O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, dará sua primeira coletiva de imprensa amanhã em Chicago, onde está previsto que se reúna também com seus assessores econômicos para falar sobre a crise financeira no país.

O vice-presidente eleito, Joseph Biden, também participará dos dois atos, segundo informou hoje a equipe de Obama.

O encontro com a imprensa acontecerá no final da reunião com assessores econômicos.

Na reunião estará o multimilionário investidor Warren Buffett, o ex-secretário do Tesouro Robert Rubin, o também ex-secretário do Tesouro Lawrence Summers, o ex-presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano) Paul Volcker e o presidente do Google, Eric Schmidt.

Obama e sua esposa, Michelle, planejam visitar à Casa Branca na segunda-feira a convite do presidente George W. Bush, que anunciou hoje que falará com seu sucessor sobre, entre outros assuntos, a crise econômica e os conflitos em Iraque e Afeganistão.

"Michelle e eu esperamos com interesse a reunião com o presidente Bush e a primeira-dama na segunda-feira para começar o processo de uma transição fluente e efetiva", assinalou Obama em comunicado. EFE tb/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.