Obama completa 50 anos com mais cabelos brancos e menos popularidade

Após eventos de arrecadação de campanha na quarta-feira, líder comemora o aniversário com família e amigos na Casa Branca

iG São Paulo |

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, comemora nesta quinta-feira seu aniversário de 50 anos, dias depois de conseguir um acordo sobre o teto da dívida americana . Embora o clima na Casa Branca não esteja exatamente festivo após a longa batalha política pelo acordo, o líder participará de várias comemorações, em ritmo de campanha política.

À tarde, os integrantes do alto escalão do governo vão fazer um brinde ao presidente no Salão Azul da Casa Branca. À noite, Obama celebrará com a família e os amigos, alguns vindo de Chicago, onde ele fez sua carreira política. No fim de semana, viajará para a residência presidencial em Camp David.

AP
Obama chega à Casa Branca na madrugada desta quinta-feira e sorri ao ouvir os jornalistas cantando "parabéns para você"

Outras celebrações foram realizadas em diversas cidades americanas na noite de quarta-feira, quando o aniversário de Obama foi tema de vários eventos para arreacadação de dinheiro para sua campanha de reeleição. O líder participou da festa em Chicago e falou via vídeoconferência aos participantes de eventos em outros locais.

Em Chicago, ele assistiu às apresentações dos músicos Jennifer Hudson e Herbie Hancock e da banda OK Go. O evento reuniu cerca de 2.400 pessoas. Depois, Obama ainda participou de um jantar com grandes doadores no qual disse que um presente importante o esperava em Washington: sua filha mais velha, Malia, voltaria de um acampamento de férias especialmente para o aniversário do pai.

Em um recente discurso na Associação para o Avanço da Pessoas Aposentadas (AARP, na sigla em inglês), Obama disse que a pior parte de chegar aos 50 anos é "não se sentir tão veloz" como antes e "demorar mais para se recuperar na quadra de basquete".

"O maravilhoso é que pude manter boa saúde. Além disso, vivi o suficiente para aprender com os erros cometidos, que espero não repetir, mas continuo suficientemente jovem para poder apreciar essa sabedoria", afirmou.

O aniversário será um momento de reflexão para Obama, que convive atualmente com o menor nível de popularidade (40%) desde que se transformou há três anos no primeiro presidente negro dos Estados Unidos com uma campanha baseada na esperança e na mudança.

A crise econômica contribuiu para diminuir o apoio a Obama, e sem dúvida é uma das responsáveis pelo aumento dos cabelos brancos do presidente.

Além do índice de desemprego de 9,2%, nas últimas ele travou uma dura batalha política para aumentar o teto da já elevada dívida do país, de US$ 14,3 trilhões, para evitar que os EUA suspendessem seus pagamentos. Entre as promessas pendentes está ainda a reforma migratória integral na qual os cerca de 9,7 milhões de eleitores hispânicos puseram suas esperanças.

Mas também houve conquistas, como a operação que matou o líder terrorista Osama bin Laden , a reforma do sistema financeiro, a assinatura de um acordo de desarmamento nuclear com a Rússia e o fim da lei discriminatória contra homossexuais nas Forças Armadas.

Nascido em 4 de agosto de 1961 de pai queniano e mãe americana em Honolulu, no Havaí, Obama é o terceiro presidente a completar 50 anos na Casa Branca. Os outros são Theodore Roosevelt, que chegou aos 50 anos em 1908, e Bill Clinton, que celebrou seu aniversário em 1996 com uma grande festa para arrecadar fundos para sua campanha.

Assista ao vídeo:

Com AP e EFE

    Leia tudo sobre: obamaeuaaniversário50 anos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG