Obama classifica como um sucesso eleição no Afeganistão

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quinta-feira que a eleição afegã parece ter sido um sucesso, mesmo com o que ele chamou de esforços do Taliban para tumultuar a disputa. A eleição foi um teste para a nova estratégia de Obama, que tem o objetivo de reverter os avanços do Taliban. As perdas dos Estados Unidos em combate têm aumentado em meio ao reforço das tropas norte-americanas, e pesquisas de opinião têm mostrado que a opinião pública dos Estados Unidos dá cada vez menos apoio à guerra.

Reuters |

A Casa Branca afirmou que os afegãos compareceram em grande número para votar, mesmo com as ameaças de violência, e que a política norte-americana em relação à guerra, que já dura oito anos, não vai mudar após a eleição presidencial.

"Nós tivemos o que parece ser uma eleição bem-sucedida no Afeganistão, apesar dos esforços do Taliban para tumultuá-la", disse Obama em entrevista a uma rádio, transmitida diretamente da Casa Branca.

Houve apenas ataques esparsos no país enquanto milhões de pessoas votavam para presidente.

"Precisamos pôr o foco no fim do trabalho no Afeganistão, mas isso vai levar algum tempo", disse Obama.

A Organização das Nações Unidas (ONU) e os Estados Unidos descreveram o comparecimento eleitoral como robusto no norte, mas mais fraco no violento sul do país.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG